Representante do FMI recebe Parlamento Juvenil

O Parlamento Juvenil manteve à 18 de Maio de 2017, uma Audiência com o FMI, em resposta à Carta datada de 03 de Abril, na qual questiona o posicionamento relativo à sustentabilidade da dívida pública e à auditoria das dívidas ocultas.
A missão do Parlamento Juvenil fez-se transportar numa viatura “my love” simbolizando a penúria na qual estão mergulhados os jovens moçambicanos em decorrência da “crise de quase tudo” que caracteriza o país. Na sequência, o Parlamento Juvenil foi recebido pelo Representante do FMI em Moçambique, Ari Aisen, acompanhado pelo Senhor Félix Simione, economista do FMI.
O encontro iniciou com considerações do Parlamento Juvenil, por intermédio do seu Presidente, Salomão Muchanga. Na sua locução, esclareceu as motivações da Carta enviada e, manifestou indignação relativamente à trajectória insustentável da dívida pública, a qual contribuiu em grande parte, para o encarecimento do custo de vida do cidadão à escala nacional, constituindo assim um legado penoso para os jovens que terão que pagar o fardo da dívida. CONTINUE AQUI